Jovem gasta R$ 57 mil para se transformar em princesas da Disney

A americana Sarah Ingle sonha ser uma das princesas oficiais do Parque da Disney e, para isso, ela desembolsou cerda de 10 mil libras (o equivalente a R$ 57 mil) para ficar parecida com algumas personagens da Walt Disney World.

Atualmente, ela trabalha como gerente de marketing, e, nas horas vagas, fica fantasiada de alguma princesa. Mas para se transformar, ela comprou perucas e vestidos inspirados em nove personagens dos contos da Disney: Bela Adormecida, Cinderela, Branca de Neve, Ariel, Rapunzel, Merida e Elsa e Anna, de Frozen — Uma Aventura Congelante.

São 17 fantasias e 16 perucas diferentes, utilizadas para cada fantasia. A transformação pode demorar até três horas, cada uma. “Demora muito tempo para entrar nas roupas, porque elas têm muitas camadas e amarram nas costas“ , revelou Sarah a um site americano.

1455204174-585677947

“Eu, também, tenho uma peruca e uma maquiagem diferente para cada princesa. Eu preciso fazer o contorno do meu rosto quando faço a Aurora, de A Bela Adormecida, porque o meu rosto é muito mais redondo que o dela. E, como eu tenho olhos cor de mel, preciso usar lentes de contato azul para interpretar a Ariel, de A Pequena Sereia, e Elsa“ , detalhou.

Segundo ela, cada roupa pode demorar até seis meses para ficar pronto. Cada vestido foi desenhado pela jovem, que sempre busca tecidos diferenciados para a produção da peça. A genética de Sarah, também, ajudou na hora de dar vida às princesas. “Eu tenho olhos realmente muito grandes, e todos sempre me disseram que eu me parecia com uma boneca ou uma princesa da Disney. Acho que o formato deles me ajudam, o que é ótimo!“ , disse.

Enquanto aguarda ser selecionada pela Walt Disney World, Sarah e o namorado montaram uma companhia, onde oferece serviços de princesas em festas infantis. A dupla cobra 100 libra (R$570) por aparição. Eles, também, visitam hospitais públicos.isney americana

“Nunca vou me esquecer do dia em que uma garotinha pediu para eu me apresentar para celebrar o fim de seus tratamentos contra o câncer. Ver o rosto dela se iluminando enquanto ela cantava as músicas tema comigo foi incrível” , ressaltou.

FONTEImirante
COMPARTILHAR
Luis Junior
Sou aquele garoto que amava os Beattles e os Rolling Stones.