46 fatos surpreendentes sobre Beyoncé que você não sabia

1. O nome da Beyoncé foi inspirado no nome de solteira da sua mãe Tina, Beyince.

2. Antes do Destiny’s Child ficar famoso, Mathew, pai de Beyoncé, fazia as meninas cantarem enquanto corriam para prepará-las para suas performances.

3. Mathew também mostrava vídeos de grandes artistas — Michael e Janet Jackson, Whitney Houston, Tina Turner, Madonna — e encorajava Beyoncé a estudá-los como “times de futebol estudam os vídeos de seus concorrentes”.

4. Beyoncé diz que na escola primária era importunada por causa das suas orelhas, que, de acordo com ela, eram “maiores do que a cabeça [dela].”

5. Antes do Destiny’s Child se chamar “Destiny’s Child”, elas tentaram alguns outros nomes, como Gyrls Time, the Dools e Cliche.

6. Quando Beyoncé participou de seu primeiro show de talentos, aos sete anos, ela cantou “Imagine”, de John Lennon, e foi aplaudida de pé.

7. Quando criança, Beyoncé cobrava US$ 5 dos pais de seus amigos para assistirem suas apresentações.

8. Beyoncé, entusiasta da arte desde sempre, começou a pintar aos 17 anos. Ela diz que era inspirada por Vincent Van Gogh e tentava imitar seu estilo.

9. Beyoncé considera a primeira vez em que visitou a Capela Sistina e viu o trabalho de Michelangelo como uma das “experiências mais espetaculares” de sua vida.

10. Jean-Michel Basquiat e Keith Haring são dois dos artistas favoritos de Beyoncé.

11. Em 2000, Beyoncé teve um surto de depressão depois que LaTivia Roberson e LeToya Luckett saíram do Destiny’s Child e processaram seu pai, Mathew, por ingerência. “Eu não comia”, ela explicou à revista Parade em 2006. “Eu ficava no meu quarto. Estava numa fase realmente ruim, passando por uma época solitária: ‘Quem sou eu? Quem são meus amigos?’ Minha vida mudou”.

12. Sasha Fierce — o alter ego destemido de Beyoncé — foi inventado no set de gravação do clipe “Crazy in Love” em 2003.

13. Em 2006, Beyoncé disse à revista Parade que “Não gostaria de Sasha se a conhecesse fora do palco”, alegando que a personagem era “muito agressiva, muito forte, muito ousada, muito sexy” para ser sua amiga.

14. Beyoncé parou de pensar nas características de Sasha Fierce como uma pessoa completamente diferente por volta de 2010. “Eu não preciso mais de Sasha Fierce”, ela confessou em uma matéria de capa da Allure, “porque eu cresci, e agora posso unir as duas. Eu quero que as pessoas me vejam. Eu quero que as pessoas vejam quem eu sou”.

15. Na época do lançamento do seu terceiro álbum solo, I Am… Sasha Fierce, Beyoncé costumava jogar Spades online.

16. De acordo com Kelly Rowland, Beyoncé é uma grande preguiçosa: “Ela tem muita coisa na cabeça. Você pode dizer [pelo ambiente em torno dela] com que tipo de coisa ela está lidando.”

17. No início de sua carreira solo, Beyoncé foi embora de uma sessão de fotos depois que o fotógrafo David LaChapelle pediu para que ela posasse nua e coberta de mel.

18. Em 2004, Beyoncé sofreu com dores nos dentes siso por não poder encaixar duas semanas de rosto inchado na sua agenda.

19. Beyoncé ama sair em turnê, pois, antes do show, ela tem o dia inteiro livre para fazer o que ela quiser: “Eu posso dormir até três horas. Eu posso me aconchegar e assistir desenhos o dia todo. Eu posso ir a museus, restaurantes e parques.”

20. Se Beyoncé tivesse um dia de total anonimato, ela diz que gostaria de caminhar pela Times Square, algo que ela nunca pôde fazer.

21. Beyoncé tem créditos de produção em praticamente todas as músicas que ela já lançou.

22. Os brincos que Beyoncé jogou durante uma performance no VH1 Divas em 2014 custavam US$ 250.000. Ela disse que estava tão envolvida no momento que só percebeu o que havia feito bem depois.

23. Foi ideia de Beyoncé reeditar o vídeo de “Me, Myself and I” para que a história se desenvolvesse de trás pra frente.

24. De acordo com 50 Cent, Beyoncé não teve medo de entrar numa briga quando pensou haver algum problema entre ele e Jay Z, seu marido: “Uma vez ela pulou um muro e veio correndo porque achou que eu e o Jay Z estávamos discutindo. E eu fiquei tipo, ‘Que porra é essa? Ela realmente pulou e correu pra cima de mim assim?’”.

25. Quando Beyoncé está em turnê, ela filma suas performances e assiste antes de dormir, fazendo críticas a si mesma, seus dançarinos e cinegrafistas. Na manhã seguinte, todo mundo recebe um monte de recados.

26. Beyoncé descobriu o Tedx talk de Chimananda Ngozi, que aparece em “**Flawless”, enquanto navegava pelo Youtube tarde da noite.

27. Depois do Super Bowl, Beyoncé se presenteou com férias repletas de frituras.

28. Em 2005, Beyoncé contratou um diretor visual para filmar os momentos em que ela acordava.

29. Beyoncé começou a pensar em contratar seu próprio cinegrafista depois que a MTV não a deixou usar uma filmagem que eles fizeram no set de um de seus clipes. Ela não queria pagar para usar sua própria imagem, então parou de depender de terceiros. Agora, quando um canal quer imagens de Beyoncé, eles precisam pegar emprestado ou conseguir a licença do seu arquivo pessoal.

30. Todas as filmagens de Beyoncé são guardadas em um “armazém digital com temperatura controlada” no seu escritório de Nova York. Isso inclui tudo, desde fotos e vídeos profissionais até entrevistas e postagens em diários.

31. A base de dados oficial de Beyoncé está sendo construída no arquivo da NBC.

32. Beyoncé teve uma sinusite enquanto gravava “XO”.

33. A banda dos shows de Beyoncé é um grupo de 10 mulheres que ela formou em 2006 chamado The Suga Mamas.

34. Em 2010, Beyoncé lançou o Centro de Cosmetologia Beyoncé na Phoenix House, no Brooklyn, Nova York. O programa de treinamento dura sete meses e foi criado para ajudar homens e mulheres que se recuperam de vícios a desenvolverem uma atividade profissional.

35. “Bow Down” foi uma forma de Beyoncé responder os haters: “A razão de eu ter escrito ‘Bow Down’ foi que eu acordei, fui ao estúdio, e tinha um coro na minha cabeça que era agressivo e furioso, não era a Beyoncé que acorda todas as manhãs. Era a Beyoncé com raiva. Era a Beyoncé que precisava se defender.”

36. Beyoncé é a mulher com mais nomeações ao Grammy da história.

37. Beyoncé também foi a primeira mulher a ganhar seis Grammys em uma noite.

38. Quando Beyoncé cantou “Take My Hand, Precious Lord” no Grammy de 2015, ela cercou-se de uma dúzia de homens reais — homens que ela sentia que “haviam vivido, haviam lutado, chorado, tinham uma luz e espírito sobre eles” — para “mostrar a força e a vulnerabilidade de homens negros.”

39. A linha de roupas de Beyoncé na Topshop, Ivy Park, ficou em desenvolvimento por quase dois anos antes de ser lançada.

40. O rapper Swae Lee, do Rae Sremmurd, ajudou a escrever o single “Formation”.

41. Beyoncé conheceu Big Freedia, rainha do bounce e que improvisa em “Formation”, um ano antes de gravar a música, na festa de aniversário de Tina, mãe da Beyoncé, em Nova Orleans.

42. Depois da apresentação de “Formation” no Super Bowl, haters tentaram organizar um protesto em frente à sede da NFL em Nova York, mas apenas três pessoas apareceram no dia.

43.Executar o lançamento surpresa do álbum autointitulado de Beyoncé em 2013 exigiu o uso de codinomes em tudo — músicas, vídeos, e até mesmo o nome do álbum.
O codinome do álbum de Beyoncé era “Lily” e apenas poucos executivos seniores da Columbia Records sabiam disso.

45. O álbum foi escrito por quase todo no verão de 2012. A cantora e sua equipe de compositores e produtores se enfiaram em uma casa nos Hamptons, onde eles “jantavam juntos todas as noites e iam para quartos separados trabalhar nas músicas” durante o dia.

46. Depois de a Target ter se recusado a vender o álbum por ela ter dado exclusividade ao iTunes na primeira semana, a cantora foi ao Walmart em Massachusetts, onde comprou presentes de Natal e entregou cartões de presente de US$ 50 a todos na loja.

COMPARTILHAR
Luis Junior
Sou aquele garoto que amava os Beattles e os Rolling Stones.